Rede suprime trens e prejudica passageiros.

Ver PDF em tela cheia
Transcrição (OCR)
Rede suprime trens .e prejudica passageiros

Começa a vigorar a partir de hoje a nova di­ retriz da Rede Ferroviária Federal S.A.. eliminando quatro horários de trens

com destino a Corumbá.

Essa medida foi tomada pel alta -direção da RFF- SA em 'Brasília, por de­ terminação do Governo Federal, culminando na circulação de apenas três composições por semana, às 2!s, 4!se 6!!s feiras, mantendo-se o horário

de safda às 13 horas. /

Apesar dos iml­

meros apelos e protestos /

emanados de forças vivas ./

e polfticos de várias cida- . ..

des alcançadas por essa

decisão, não· só do nosso

Estado como de Mato

1

Grosso do Sul, segundo o

sUperintendente local da RFFSA, engc.? João Batista Pacheco Fantin, a ordem é taxativa e deverá ser cumprida. Embora te­ nham sido feitas dive' rsas manifestações contrárias a essa determinação e mesmo apresentadas su­ gestões com a finalidade de atenuar ou mesmo sustar essa supressão de horários, ninguém da Re­ de preocupou-se em to­ mar conhecimento desse descontentamento ge­ neralizado, cujos reflexos negativos não só atingem Bauru, como também Campo Grandtf 1 a Capital

do Estado matogr ossen•. se, al4ny ·um ·

ilimitado de cidades en• volvidas direta.ou indire•

tamente na questão.

. Alguns esclareci-

8aulU • Cotum,,._ Daqui por diante. ,,.,. wzes por.,,,.,,.

mentos foram prestados pelo engenheiro, entre os

através de um regula­ mento denominado

pensas as verbas para este ano.

lizadas para o aumento do transporte de carga,

este ano alcance 50 mi­ lhões de cruzados novos,

ocorrer entre empreitei­ ros e permissionários, as

guns terroviários que se encontravam ontem à

quais a notícia de que

"Normalização Contábil",

Disse Fantin que

que de ano a ano tem um

contra os 10 do ano de

demissões já estão ocor­

tarde no pátio da estação

anteriormente o 9overno

que permitia repassar

com a supressão de qua­

maior volume de tráfego,

1988.

rendo dentro do próprio

central, adiantando que o

Federal subsidiava o défi­

numerário à Noroeste,

tro horários possibilitará

espel'Elndo-se, por exem­

Por outro lado,

quadro de servidores da

mesmo está acontecendo

cit apresentado no trans·

cujas instruções foram

a liberação de quatro lo­

plo, que com essas má­

além da dispensa de em­

RFFSA-Noroeste, con­

ao longo c:fa li • (Deta­

porte de_ passageiros

canceladas, sendo sus-

comotivas, que serão uti-

quinas, o faturamento

pregados que deverá

forme foi relatadÓ por ai-

lhes nas páginas 4 e 5)

Sobre a coleção

Museu Ferroviário Regional de Bauru

Instalado junto à Estação Ferroviária, no centro da cidade Bauru, o Museu Ferroviário oferece ao visitante uma volta ao passado glorioso das ferrovias brasileiras, com exposição de fotografias, documentos, peças originais, maquetes e recriação de ambientes que remetem aos tempos da construção da NOB, até o final dos anos 30. Além de um passeio histórico através de curiosidades e peças de grande valor artístico, o Museu proporciona uma aula completa sobre a importância das ferrovias para o desenvolvimento econômico de Bauru e de todo o interior do Brasil.

Programa de Ação Cultural (ProAC) da Secretaria da Cultura do Governo do Estado de São Paulo
Associação de Preservação Ferroviária e de Ferromodelismo de Bauru
Apoio
Secretaria Municipal de Cultura de Bauru
Realização
Secretaria da Cultura do Governo do Estado de São Paulo